segunda-feira, 12 de setembro de 2016

"Good bye my lover, good bye my friend"... Adeus Butterfly.

“Você tocou meu coração, tocou minha alma
Você mudou minha vida e meus objetivos
O amor é cego e eu só soube disso quando
Meu coração ficou cego por você

Adeus meu amor
Adeus minha amiga
Você foi a única
Você foi única para mim
Estou tão vazia, querida, estou tão vazia
Estou tão, tão, tão vazia.” – Good bye my lover




“Tão forte quanto você era,
Frágil você vai
Eu estou te vendo respirar
Pela última vez
Uma canção para o seu coração,
Mas quando está em silêncio,
Eu sei o que significa
E eu te levarei para casa
Eu te levarei para casa

Se ela tivesse asas, ela voaria para longe,
E algum dia Deus lhe dará algumas.” – Carry you home
Butterfly

Assim você se vai, com sua beleza, formosura e coragem. Você deixou um vazio em meu coração e minha alma está triste por tamanha saudade. 


sexta-feira, 15 de abril de 2016

Entre pássaros e humanos

Olá pessoal.

Os pássaros existem desde que o mundo foi criado e é com certeza uma das mais belas criações de Deus. Quem tem um pássaro, sabe o que é amar incondicionalmente, independente de tamanho ou mutação.
Desde a antiguidade nós seres humanos temos o hábito de sermos egoístas a ponto de aprisionar um pássaro numa gaiola, só para te-lo por perto para ouvir sua melodia ou simplesmente para ter uma boa companhia.
No entanto, creio que a primeira ave mansa surpreendeu seu respectivo dono, já que nós humanos, pensávamos que somente nós fossemos capazes de amar devido ao raciocínio. É claro que mais uma vez nos surpreendemos com os mistérios da natureza e eis que hoje em dia é comum ter um pássaro manso.
Descobrimos também que os pássaros são ativos, brincalhões, curiosos, amorosos, tagarelas e incrivelmente inteligentes.
Com o passar dos anos, fomos nos adaptando ao mundo dos pássaros e nos habituando aos seus costumes e natureza.
Foi então que biólogos pesquisaram sobre seu habitat e a vasta espécie de pássaros.
Hoje em dia temos um olhar mais amplo e consequentemente um manejo adequado aos pássaros de cativeiro. Ainda assim, com tantas pesquisas e teorias, há pessoas que desconhecem o cuidado ideal e acabam errando gravemente no manejo de seres tao encantadores.
(Confira como cuidar de um passarinho aqui)
Mais do que possamos imaginar é o quão imenso é o amor de um passarinho. Eles já nascem sabendo amar, coisa que levamos a vida toda para aprender e que nem sempre conseguimos. Passamos pela vida discretamente e esquecemos o que de fato é essencial à felicidade e ao espirito, já que estamos em um mundo de espiação e prova.
Aos poucos vamos aprendendo coisas grandes com seres tao pequenos e um dia amaremos somente por amar, e quem sabe voaremos ao tao sonhado Paraíso. Talvez seja por isso que esses pequenos tenham asas, quem sabe não são anjos disfarçados?!






Chamam-me de Branca de Neve, pois convivo todos os dias com pássaros e isso não é algo que me envergonhe. Sinto-me lisonjeada por ter esse apelido e por poder conviver com seres que amam incondicionalmente. 

Entre pássaros

Sherlock Holmes, o Negão. Pássaro preto amoroso. Meu mini corvo. 

Jace Wayland, o Caçador de Sombras. Meu mini Nelphilin. 

Obrigada por fazer parte desta família. 

sexta-feira, 8 de abril de 2016

Cuidados que devo ter com os passarinhos

Olá, boa tarde pessoal.




Hoje vim falar dos cuidados que devemos ter com os nossos pequenos e abordarei vários assuntos relacionados a isso.
Primeiramente, quero ressaltar o amor incondicional que tenho por todos os meus passarinhos e que a nossa convivência é de puro amor, dedicação e carinho. 
Ter uma ave é sinônimo de felicidade constante! Quem tem uma ave sabe que nunca está só. Sabe que terá um amigo sincero e leal para te aceitar da maneira que você é, e nunca irá lhe julgar.


Fatores importantes a serem discutidos:



  • Espaço/Ambiente

Uma ave precisa de uma gaiola espaçosa e limpa.

Bebedouros, potes de comida, brinquedos, poleiros, grade de proteção no fundo, são essenciais ao bem estar do pequeno.
A gaiola deve ser do tamanho das asas do passarinho duas vezes abertas. Sem falar no ambiente em que a gaiola vai ficar. Deve estar ciente de que o passarinho deve ficar em um local arejado, limpo e sem correntes diretas de ar.
Lembando que o passarinho faz sujeira e dependendo da espécie, grita bastante.


  • Gastos
Sim, passarinho dá muito gasto!
Alimentação balanceada, veterinário, brinquedo, gaiola, entre outras coisas.
  • Tempo
Como todo ser que ama, o passarinho precisa de tempo e dedicação. Eles se apegam em nós e sentem nossa falta. Precisamos estar cientes de que são como crianças e podem até adoecer por falta de carinho.
Está disposto a disponibilizar ao menos uma hora do dia a pequenos notáveis?
  • Convivência com outros animais
Você já pensou nos gastos, tempo e espaço, mas pensou nos animais que já tinha?
Como sabem alguns gatos e cachorros não se adaptam com aves e podem até fazer desses pequenos um rango fácil.
Se caso tenha um cachorro, coloque seu passarinho em outro local, agora, proteger seu passarinho de um gato é algo bem complicado. Você pode colocar a gaiola em um quarto e colocar na porta e janela tela, assim evita a aproximação dos dois. 
  • Predadores
Como no tópico acima, esse também fala de possíveis predadores, como cachorro, gato, cobra, gavião e muitos outros. 
É imprescindivel que coloque a gaiola em um local seguro e arejado. 
  • Crianças
Talvez algumas crianças acabam se tornando um tipo de predador, pois elas pegam o passarinho para brincar e acabam matando o mesmo afogado, sem ar, esmagado, machucado e por aí vai.
Então mamães, papais e titios, fiquem de olho nas crianças.
Sou super a favor de contato ave+criança, desde que aja supervisionamento de um adulto!
  • Limpeza de gaiolas
Se possível, limpe a gaiola de seu pequeno todos os dias, caso isto esteja fora de cogitação, limpe ao menos de três em três dias e troque a água e comida TODOS OS DIAS.
Eu limpo um dia sim, um dia não. Forro o fundo da gaiola com folha sulfite. É imprescindível manter a gaiola limpa! 
Gaiola limpa+alimentação balanceada+dedicação=passarinho feliz e saudável.
  • Banhos e sol matinal
Coloquem seus pequenos sob o sol ao menos uma vez na semana, pois todos precisamos de vitamina D.
Ofereça a banheirinha ou pote plastico com água limpa e fresca ao seu pequeno três vezes na semana. Além de refrescar e limpar as penas, eles adoram. 
  • Corte de asas
Eu canso de falar sobre o corte de asas. Ele é essencial à segurança de sua ave! 
Leia mais no link Corte de asas
  • Brinquedos
Aves são seres muito curiosos e ativos e por isso devemos deixar à disposição deles vários brinquedos: argolas, poleiros com miçangas, bolinhas com guizo, palito de sorvete, e outros.
Uma ave que não tem com o que se distrair pode sofrer com estresse e consequentemente se auto-mutilar e vir a falecer.  
  • Alimentação
Pessoal, esse assunto é importante! Quando compramos uma ave, devemos pesquisar bem antes. Temos que saber desde a sua origem até o que comem. Nao adianta ter uma gaiola linda e limpa, muitos brinquedos, playground, tempo, se a ave não tiver uma boa alimentação!
A alimentação é o fator que mais garante a vida saudável do seu passarinho, então ofereçam uma dieta balanceada! 
Ração extrusada, frutas, verduras, legumes e farinhadas. 
Mais dúvidas? Confiram no link Alimentação
  • Quarentena
Muitas pessoas já criam aves e querem comprar outra, mas antes devem entender o que é quarentena.
Você deve deixar a ave novata e a veterana separadas por 40 dias. Por que?
Primeiro: Para evitar que a ave nova passe alguma doença à outra ave. 
Aves transmitem doenças por contato bico-com-bico e também pelas fezes. Algumas doenças são difíceis de serem notadas e podem contaminar as outras aves saudáveis sem que você consiga evitar e salvar.
Segundo: Mutos passarinhos são territorialistas, então se você colocar a ave nova dentro da gaiola do outro, esse novato com certeza vai apanhar e falecer. Como nós, as aves também precisam de adaptação, e isso é devagar e com o passar dos dias, tenha paciência.
Terceiro: A ave nova está assustada e precisa se acostumar com o novo ambiente, então você não deve apressar as coisas, precisa dar ao seu novo passarinho um tempo até que ele se acostume com a gaiola nova, o ambiente novo, com o cachorro e com você.
  • Adaptação
Como havia ressaltado acima, todos precisamos de adaptação ao novo ambiente, nova casa, novo emprego, nova faculdade e em tudo o que é novo.
Com os passarinhos não é diferente.
Faça a quarentena corretamente, gaiolas separadas e depois de 40 dias tente uma aproximação GRADATIVAMENTE, para que ambos se acostumem um com o outro e que não aja briga por parte dos pequenos e uma frustração sua. 
Depois da quarentena, se por acaso sua ave não for mansa, vou deixar links de como amansar sua ave. O amansamento também é uma adaptação e leva dias ou até meses.
Boa sorte!

Abaixo estão alguns links onde você poderá comprar brinquedos, alimentos e muito mais aos seus pequenos:

Agora, um pequeno vídeo dos meus pequenos:

Dedicação, amor, carinho e respeito.


Novos integrantes:
Sherlock Holmes, o Negão. 


Dr. Watson

Nao se esqueçam de curtir nossa página no Facebook Periquito Australiano e Cia e não deixem de nos acompanhar aqui no blog.
Obrigada a todos e espero que tenham gostado. Beijos e Bicadinhas.







segunda-feira, 8 de fevereiro de 2016

Como tratar filhotes no bico?

Olá pessoal.

Para quem não acompanha a página no Facebook Periquito Australiano e Cia, a minha pequena Kelsey morreu devido o ovo preso. :( Então, consequentemente não houve ovos e filhotes.
Eu estava cuidando de um filhote de maritaca, e quis gravar um pequeno vídeo para vocês de como tratar os filhotes no bico, já que eu havia prometido.

O tempo que você deve tirar o filhote do ninho varia muito, pois cada espécie tem o seu tempo de crescimento.
Calopsita demora uns dois meses para sair do ninho sozinha, então com 21 dias de vida você pode tirá-la do ninho para tratar no bico. Agapornis é a mesma coisa.
Periquito australiano demora um mês e pouco para sair do ninho sozinho, então com uns 15 dias você pode tirá-lo do ninho para tratar no bico.
Aves de porte maior demoram mais tempo para sair do ninho, como é o caso da maritaca. Então consequentemente ela ficará comendo papinha por mais tempo, caso o filhote tenha menos de um mês de vida.

  • Como tratar de filhotes no bico?
Primeiramente você precisa ter em mãos uma seringa com trava de segurança ou uma convencional caso já esteja adaptado com a mesma. Algumas pessoas optam em oferecer a papinha na colher pequenina, e não há problemas em relação a isso, o filhote comerá do mesmo jeito.

  • Como preparar a papinha?
Aqueça no microondas meio copo de água filtrada. No pote de papinha explica a quantidade adequada de água a ser adicionada na mesma.
Geralmente é uma colher de papinha para três de água. (Colher pequenina, aquela de bebês).
A papinha deve homogênea, nem tão mole e nem tão pastosa.

  • Onde deixar o filhote nesse período?
Você pode deixá-lo em uma caixa que o deixe confortável, furada ou caixa de transporte, aquela de transportar hamster. Há pessoas que forram com papel toalha, mas eu acho que deixa a caixa muito úmida, então optei por forrar com maravalha. Além de absorver a umidade, deixa os filhotes mais aquecidos.

  • Quando devo colocar os filhotes na gaiola?

Você deve colocar os filhotes na gaiola, quando os mesmos estiverem com as costas encoberta de penas. Deixe o pode de água e comida no fundo da gaiola e, poleiros mais baixos, para eles terem mais acesso ao ambiente.

  • Qual a quantidade exata de papinha?
Isso é relativo! Não há como eu dizer... 6ml, 8ml, 12ml? Depende do tamanho do filhote e da espécie. A maneira mais fácil de saber se a quantidade é suficiente ou não, é apalpando o papo. O papo não pode estar nem mole e nem duro. Deve estar cheio, de modo que ao apalpar não esteja rígido.

  • Devo oferecer a papinha de quantas em quantas horas?
Geralmente é de 4 em 4 horas. Deve verificar se o papo está cheio ou não. Para oferecer a próxima papinha, o papo tem de estar vazio, pois se oferecer a papinha com o papo cheio ou parcialmente cheio, a mesma pode estragar no papo. Apalpar o papo é a melhor opção!

Espero ter esclarecido algumas dúvidas e caso eu não tenha, deixem nos comentários. :)
Eu fiz um pequeno vídeo para vocês e por mais que seja simples, talvez os ajude. Espero que gostem.



Beijos e bicadinhas. Grazie mille.


quinta-feira, 3 de dezembro de 2015

Atualizações de fim de ano

Olá pessoal, boa noite!





Faz um tempo que eu não posto aqui no blog e peço desculpas. Mas quem nos acompanha na página do Facebook, compreende o nosso sumiço. Para você que ainda não conhece a nossa página, corre lá no "Face" e de um curtir. ) Periquito Australiano e Cia


Ultima foto da minha Fada do Campo Elina.

Muitas coisas aconteceram este ano, coisas boas e infelizmente coisas ruins também. Há alguns dias a minha pequena Elina se foi, e como sabem ela e a Nori foram meus primeiros periquitos australianos... a morte dela dilacerou meu coração.

Lacey largou do Koda e agora ela e Nori estão com o mesmo macho, o Alec. Lacey e Alec chegaram a galar dois ovos, porem com a pouca umidade um dos filhotes morreu dentro do ovo e o outro chegou a eclodir, mas não conseguiu se desgrudar da casca e morreu. Eu não vi a hora que ele nasceu e não pude ajuda-lo e a Lacey não o ajudou a sair do ovo. Muito triste!
Agora que a Elina morreu, eu resolvi colocar Shura e Kelsey para procriar. Eles estão bem grudadinhos e eu estou na expectativa.

Shura e Kelsey

Essa gaiola eu só coloco para casais em época de reprodução. Meus periquitos ficam em um mini viveiro, e estou pensando em separa-los, assim eles ficarão com mais espaço.

Esse casal é arisco. Mas amo eles incondicionalmente e já estou ansiosa pela chegada dos novos pequenos!

Coloquei o ninho hoje e já os vi copulando e minha pequena Kelsey já está no ninho. Que casal rápido. 


Agora uma breve atualização dos demais pequenos.
Jace continua a mesma maritaca tagarela de sempre. Caleb se encantou pelo meu sogro e até me deixou de lado. Está aprendendo a falar várias coisas e já fala melhor que o Jace.
Meu casal de forpinhos estão chatinhos como sempre. Aidan, dentro da gaiola tenta me bicar de todo o jeito possível. Azura não me bica, porem não é nada apegada em mim. haha (apesar de serem mansos, me deixam de lado.) E claro, nada de filhotes!!  Nunca pensei que tirar cria desses pequenos fosse tao difícil.
Nalu é discreto e quieto. Não suja muito, não faz barulho e não bica. Sempre fofo e gosta de ouvir musica. 
Sayuri e Kira sao verdadeiras princesas, mansas e amorosas.  


Estou com 16 pequenos. Esse ano perdi muitos periquitos, não sei o que está acontecendo. Talvez seja algum tipo de bactéria.
Vou fazer umas comprinhas daqui alguns dias e posto foto para vocês na página. Comprarei rações da Nutrópica e um novo mini viveiro para Sayuri e Kira.
Vou comprar também uma gaiola nova para Aidan e Azura, uma que abre a portinha para fora, pois assim é mais fácil de pega-los.
Logo postarei fotos para vocês.
Me falem o que vocês querem para videos e posts. Acho essencial a opinião de vocês.

Beijos e bicadinhas. 






sábado, 2 de maio de 2015

Resultado do segundo sorteio do blog

Olá pessoal!

Primeiramente, obrigada a todos que participaram do segundo sorteio.

Foram várias mensagens lindas e cada uma tocou em meu coração, porém devo escolher apenas uma.

Esta mensagem que digitarei abaixo me fez chorar e agradecer a Deus, pois ainda existem pessoas com bons sentimentos. E sabem o que mais me agrada? é que a maioria das pessoas com puros sentimentos gostam de animais e principalmente de aves.

Desde que eu era pequena, as pessoas me diziam : "Maritacas são pragas, fazem muito barulho, comem fios e não servem para nada!" Me deparei com uma mensagem, um texto na verdade igual ao que me diziam. Mas não o escolhi pelo fato de maritacas serem pragas e sim por uma criança que defendia essas belas aves com todo amor possível. Crianças, ah como as amo!
Mesmo não tendo tamanho e nem força, nosso amigo Josue, que agora é um homem adulto as defendeu da morte e as deixou livres, como deve ser.
Ser livre não quer dizer voar para todos os lados, ser livre é estar onde queremos estar.

Obrigada Josue por dividir conosco um pouco desta história tão linda. E agora vocês leitores acompanham abaixo:

Bom dia!!! Quero deixar minha frase para participar da promoção, mas meu interesse é simplesmente participar e falar um pouco desse assunto que eu amo!!

Mas antes de escrever a minha frase para a promoção, preciso explicar algumas coisas pra vc poder entender melhor a frase, por exemplo aqui no sul, conhecemos Maritaca por Caturrita.
Eu me criei no interior.e quando piá, vivia brincando debaixo das arvores de eucaliptos onde as caturritas faziam seus ninhos, eu passava horas observando elas e sentia muito carinho por elas, e me doia saber que elas seriam abatidas, e um dia na época que os filhotes começaram a nascer eu pensei em salvar aqueles bichinhos eu tinha 9 anos de idade e resolvi subir no eucalipto pra pegar os filhotes e levar para um lugar seguro, mas cai na primeira tentativa, e na segunda cai de novo de um ponto mais alto e fraturei minha perna, fiquei caído chorando de dor e chorando por ter fracassado em salvar aqueles bichinhos!! Agora vou escrever a frase pra promoção: desculpas pelo texto longo.



Josue, obrigada mais uma vez por esta linda história. Amo maritacas mais que tudo e para quem ainda não sabe, tenho uma maritaca chamada Jace Wayland que amo muito. Ele fica feliz ao me ver e consigo ver o amor em seus doces olhos dourados.
Quer amor verdadeiro? Adote uma ave!!

Peço Josue Mota que por gentileza me passe alguns dados por mensagem na página Periquito Australiano e Cia. Desculpe-me por não fazer nenhum vídeo dos prêmios, mas estou sem câmera no momento.

Seu endereço completo, um número de celular ou telefone só para colocar no pacote com os prêmios que irei lhe enviar, seu nome completo e acho que só, haha.
Se eu esqueci de algo entro em contato pelo seu Facebook.

Espero que tenham gostado do sorteio e não deixem de participarem dos próximos sorteios.
Beijos e Bicadinhas.

quarta-feira, 22 de abril de 2015

Segundo sorteio do blog

Olá pessoal!

Primeiramente obrigada a todos, pois sem a ajuda de vocês a página no Facebook não cresceria e muito menos ajudaria quem precisa de dicas ou esclarecimento de dúvidas.
Eu havia feito um post referido ao segundo sorteio, porém o exclui. Tenho vários seguidores na página, mas falta empolgação para participarem dos sorteios.
Peço para vocês que assim como se interajam na página, comecem a se interagir aqui no blog, pois é aqui que posto sobre dicas, dúvidas e posts do dia a dia dos meus pequenos.
Ah, e não deixem de compartilhar a página! :)

Agora sim, o regulamento:

Regulamento

  • Para acontecer o sorteio, os participantes deverão mandar uma mensagem privada na página Periquito Australiano e Cia e dizer como surgiu esse amor pelas aves.
  • Eu escolherei a mensagem mais bonita.
  • Assim que eu escolher a mensagem, aviso na página do Facebook e o ganhador deverá me passar o seu endereço para o envio do prêmio.

Observação: 
Sorteio é válido somente para dentro do Brasil.
Vale somente uma mensagem por concorrente;  nome repetido será desclassificado.
Poderão mandar as mensagens até domingo 26/04/2015.
Sorteio com apenas um ganhador.

E agora o prêmio:

Ração Nutrópica para periquito australiano;
Pacote de sementes para periquito australiano da Prefere;
Farinhada da Nutrópica para calopsita;
Uma argola para periquito australiano.



Não deixem de participar.


Beijos e Bicadinhas.